Júri Simulado Literário

Publicado em 19 out. 2015. Última atualização em 06 nov. 2015
Descrição da atividade

Ementa: 

Atividade que desenvolve habilidades de comunicação escrita e oral em língua portuguesa por meio da realização de júris literários simulados. Os estudantes devem ler obras clássicas da literatura portuguesa e transformá-las em casos de júri, elaborando argumentos de acusação e defesa. Ao final, pretende-se que eles sejam capazes de aplicar os conhecimentos linguísticos e contextualizar as noções conceituais básicas em sua prática.

Objetivo: 

- OBJETIVO GERAL: a atividade desenvolvida apresenta a utilização de Júris Simulados Literários como uma experiência prática pedagógica transdisciplinar de sucesso no Curso de Direito do Centro Universitário Internacional, UNINTER. A importância desse projeto é ter conseguido unir as necessidades pedagógicas das disciplinas Português, Redação Jurídica, Trabalho Interdisciplinar, Introdução ao Estudo do Direito entre outras, de forma sinérgica e com excelentes resultados, comprovados pelo grande empenho e participação dos alunos do primeiro período do curso de Direito e da própria comunidade acadêmica, que, a cada semestre acompanha os júris simulados literários com crescente interesse. Procurou-se fazer os alunos calouros do Curso de Direito se interessarem pelo uso correto da língua por meio da leitura de clássicos.
- OBJETIVOS ESPECÍFICOS: o primeiro grande objetivo do projeto é desenvolver habilidades de comunicação escrita e oral em língua portuguesa dentro de uma situação problema. Além de desenvolver operações constitutivas do modo de organização do discurso argumentativo, valorizando e aprimorando o uso dinâmico da palavra no exercício da advocacia. Tudo através do estudo de uma obra literária que se transforma em um júri. A atividade trabalha, assim, a argumentação jurídica, leitura, introdução  ao estudo do direito, noções de júri e pesquisa jurídica.
- HABILIDADES A SEREM DESENVOLVIDAS: a realização de julgamentos simulados, com base em dados retirados da obra literária, envolve a discussão e a aplicação dos conhecimentos linguísticos, teóricos jurídicos, proporcionando aos acadêmicos uma visão mais ampla e objetiva do mercado que atuarão. Também proporciona aos participantes um conhecimento contextualizado das noções conceituais básicas do funcionamento de um tribunal de júri. É importante ressaltar que o projeto júri simulado literário tem como foco a comunicação escrita e oral, e consiste, em linhas gerais, na realização de um conjunto de atividades que propiciem aos estudantes do primeiro período do Curso de Direito tempo e espaço para a construção de sua identidade de pesquisado através de um exercício profissional. Pretende-se que o aluno consiga extrair do texto informações que subsidiem uma tese.

Dinâmica: 

- MÉTODO DE ENSINO: simulação, por meio do desempenho de papéis em júri
- PREPARAÇÃO: em relação aos alunos, a preparação consiste na leitura da obra clássica escolhida e na pesquisa de doutrinas, legislações e jurisprudência. 
Em relação à professora, no primeiro momento, ela escolheu uma obra literária clássica da língua portuguesa que oportunize abordar algum aspecto do Direito e apresentou aos alunos das turmas de primeiro período. De forma integrada e bastante interessada os professores do Curso de Direito acompanham a elaboração de peças processuais, bem como os princípios argumentativos das turmas, construindo uma posição acadêmica transdisciplinar.
Ao longo do tempo em que foi aplicada a dinâmica, foram escolhidos os seguintes livros:
1º.     O Pagador de Promessas, Dias Gomes         
2º     O Mandarim, Eça de Queirós    
3º     Luzia-Homem, Domingos Olímpio    
4º     Inocência, Visconde de Taunay    
5º     O Beijo No Asfalto, Nelson Rodrigues     
6º     Angústia, Graciliano Ramos                           
- DINÂMICA: No início de cada aula semanal, um aluno lê um capítulo ou algumas páginas da obra para a turma. Em seguida os alunos conversam juntamente com os professores sobre o que foi lido, em busca de argumentos defensivos ou acusatórios inerentes ao júri simulado literário (Quais são os argumentos apresentados na obra literária clássica que podem ser usados como provas para a defesa ou acusação do réu?). O projeto é dividido durante o semestre. São 80 horas/aula no curso e trabalha-se em cinco ou seis aulas a preparação da atividade, o júri é apresentado em três horas. 
Nas primeiras aulas é grande a dificuldade de entendimento das leituras, tanto pela falta de hábito, como pela deficiência vocabular, e até mesmo pela dificuldade de concentração. No entanto, com a evolução dos exercícios essas dificuldades são visivelmente superadas. Durante o semestre são montadas pelos alunos as teses de defesa e acusação. Para isso, o aprofundamento da leitura se faz necessário, o que “obriga” os acadêmicos a extrapolarem a leitura somente dessa obra e partir em busca de subsídios em outras fontes, principalmente outros livros jurídicos e literários.
Após o estudo da obra pelos alunos, e escolhido o crime que vai a julgamento, é aberta a inscrição para os papéis de acusação ou defesa do personagem identificado como réu para o estudo de caso. A partir desse momento as respectivas teses de acusação e defesa são preparadas por cada equipe. 
Importante ressaltar que todo material é elaborado, produzido, coletado e sistematizado pelos próprios alunos, a fim de propiciar a construção coletiva do conhecimento de forma real, concreta, contextualizada e principalmente autônoma. A realização do júri simulado ocorre em evento aberto à faculdade.
- CUIDADOS COM A AULA: o docente deve realizar uma boa escolha da obra literária que será levada à júri.
Cuidado com a competição entre alunos, mostrar que a disputa é entre as ideias e não entre pessoas, isto é comum nos processos.
Adaptações na realização do júri, como julgar somente se o réu é culpado ou inocente. Manter o foco nas argumentações
Todas as provas devem estar vinculas à obra literária: atestado de óbito, laudo psicológico, comprovante de propriedades, dentre outros.

Avaliação: 

- FORMA DE FEEDBACK: durante os encontros e após a apresentação do júri.
- AVALIAÇÃO POR NOTA: A atividade corresponde a aproximadamente 40% da nota do segundo bimestre. A construção das notas é feita coletivamente, eles participam da decisão de quanto cada aluno deverá receber. Após a apresentação do júri, os alunos reúnem-se com a professora e discutem o desempenho de cada um coletivamente. Discute-se quem teve maior engajamento, quem teve evolução durante o processo. Uma nota é atribuída para cada participante, inclusive para os professores. Decide-se também no coletivo se cada nota será efetivada ou não.

Observações: 

Há uma página no facebook do júri realizado no 1º semestre de 2015: https://www.facebook.com/pages/J%C3%BAri-Simulado-Uninter/82794786059379...
As fotos do evento, filmagem e entrevistas estão postadas neste endereço.

 

Direitos autorais da imagem de capa (recortada):

Imagem: "Music and Literature", 1878, artista: William Michael Harnett. Imagem em domínio público. Disponibilizada pelo usuário do Wikimedia Commons "MarmadukePercy".

Detalhes da atividade

Nome: 

Júri Simulado Literário

Instituição: 

UNINTER

Área de concentração: 

  • Língua Portuguesa
  • Argumentação Jurídica
  • Introdução ao Estudo do Direito

Disciplinas: 

Língua Portuguesa – 1º ano

Curso: 

  • Graduação

Palavras-chave: 

  • Experiência pedagógica
  • Transdisciplinaridade
  • Júri Simulado
  • Literatura
  • Prática Jurídica

Número de alunos: 

de 20 a 40

Tempo de aplicação: 

mais de 4h

Edição: 

Guilherme Forma Klafke

Direitos autorais

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 4.0 Internacional

Atividades Relacionadas

  • Jan Massys
    Crédito da imagem
    Imagem: "Le collecteur d'impôts", disponibilizado pelo usuário da Wikimedia Commons "Yelkrokoyade", autor: Jan Matsys,  sob as licenças GFDL (http://www.gnu.org/copyleft/fdl.html) ou CC BY-SA 3.0
  • Gavel
    Crédito da imagem
    Imagem: "My Trusty Gavel", 2009, disponibilizada pelo usuário do Flicker "Brian Turner", sob a licença Creative Commons BY 2.0
  • INCOR
    Crédito da imagem
    Imagem: "Instituto do coração do Hospital das Clínicas de São Paulo", disponibilizada pelo usuário do Wikimedia Commons "Maxpana3", sob a licença Creative Commons BY-SA 4.0 ou GFDL (http://www.gnu.org/copyleft/fdl.html)
  • Senado
    Crédito da imagem
    Imagem: "Senado2006", 2006, disponibilizada pelo usuário do Wikimedia Commons "Dantadd",  fotógrafo: Wilson Dias/Agência Brasil, sob a licença Creative Commons BY 3.0